Guilherme e Marcelino se reúnem na SSP

Foto: Keila Ramos

O prefeito de Vitória da Conquista, Guilherme Menezes (PT), acompanhado pelo deputado estadual Marcelino Galo (PT), em audiência com o secretário de segurança pública, Maurício Barbosa, solicitou mais segurança para o distrito de Bate Pé, Zona Rural de Conquistense, distante a 93km da sede. O encontro aconteceu no final da tarde da segunda-feira (16) e ainda debateu os avanços da segurança pública na capital e no interior do Estado. “Conquista tem uma condição diferenciada, lá os serviços funcionam, não falta material nas escolas, tem saúde e manutenção nas estradas. É importante que o secretário tenha esse olhar diferenciado para aquela região, especialmente por se tratar da zona rural. A implantação de uma delegacia no local vai diminuir consideravelmente a insegurança”, avalia Galo. Segundo o prefeito, o índice de criminalidade na região é muito alto e a população clama por segurança.  “A cidade está em constante desenvolvimento e nossa busca é constante também, temos 100% de cobertura na zona rural na questão da saúde, queremos essa parceria também na segurança”, afirma. A prefeitura, numa parceria com a Secretaria, se comprometeu a disponibilizar um imóvel para reforma e o secretário informou que fará uma visita à região e estudará a viabilidade de implantação da delegacia.


Receptador procurado no Sudeste é preso em Vitória da Conquista

Dezenas de motos e carros roubados em Vitória da Conquista foram entregues a Jorge Lemos, que os revendia

Um homem procurado por crime de receptação de veículos roubados em São Paulo e Minas Gerais foi preso nesta quarta-feira (22) em Vitória da Conquista, flagrado com documentos de veículos e notas de leilões falsificadas. Ele foi preso por policiais da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR) no povoado de Bate Pé.  Segundo o delegado Cleber Rocha Andrade, titular da DRFR de Conquista, o receptador passou a ser investigado depois que foram presos alguns ladrões de motos da região. “Um garoto de 14 anos, apreendido recentemente pela polícia, confessou ter roubado trinta motos em apenas dois meses, tendo-as entregues no Povoado de Bate Pé a um homem de prenome Jorge. Tratava-se de Jorge Lemos, capturado ontem dentro de casa”, disse à Secretaria de Segurança Pública (SSP). Dezenas de motos e carros roubados em Vitória da Conquista foram entregues a Jorge Lemos, que pagava R$ 800 por cada moto e R$ 1,5 mil por cada carro. Depois, ele os revendia pela região, usando documentos falsos de licenciamento ou notas de leilões também adulteradas.


Motos roubadas em Vitória da Conquista são vendidas na zona rural do próprio município

Caesg recuperou oito motocicletas que circulavam no povoado de Bate Pé

Durante uma operação realizada no povoado de Bate Pé, zona rural de Vitória da Conquista, a Companhia Especial do Sudoeste e Gerais (CAESG) apreendeu oito motocicletas que estavam em situação irregular. Os veículos foram apresentados na 4ª Ciretran. A polícia não descarta a possibilidade de as motos serem roubadas, já que quando não vão para desmanche, os assaltantes vendem nos povoados, onde não sofrem fiscalização.

De acordo a CAESG, os trabalhos serão intensificados nas próximas semanas, com blitz em vários pontos da cidade a fim de coibir o roubo de motos, cada vez mais crescente no município. Com informações do jornal A Semana