Indignação no Parque Conveima: moradores cobram Asfalto, Saúde e Correios em Vitória da Conquista

Fotos: BLOG DO ANDERSON

O anuncio da chegada do asfalto tem mobilizado muita gente em Vitória da Conquista. Além de pedir a Operação Tapa Buracos, moradores de quase todos os bairros cobram a urbanização das vias com a pavimentação asfáltica. Entre tantas solicitações o BLOG DO ANDERSON esteve no Parque Conveima 1, loteamento bairro Patagônia, e pode constatar as condições vivenciadas por milhares de pessoas há mais de duas décadas.

O casal de comerciantes Antônio e Raques Sena Santos moram na rua Pastor João Augusto da Silveira com a avenida Perimetral há dezessete anos, período em que dezenas de políticos fizeram centenas de promessas nunca cumpridas. “Sempre desse jeito aí que a gente está nesse mesmo sofrimento aí. Quando não é poeira, muita poeira, é essa lama aí”, comentou Raquel. Outros problemas apontados por Seu Antônio é a deficiência nos serviços dos Correios e também na Unidade de Saúde da Família do Comveima. “Ninguém sabe qual é o motivo, qual o problema que tem esse bairro. Qual é a marcação que tem aqui.

Porque aqui todo mundo tudo é eleitor, todo mundo vota…e a gente recebe só esse problema que está aí”, disparou a sua indignação. “Saúde aqui não tem. Aqui não existe, porque é sempre fechado. Não tem médico. As vezes quanto tem médico que vai lá para fazer um exame, não chega”, lamentou criticando também o não comparecimento de médicos nessa unidade do Sistema Único de Saúde. Em nota enviada ao BLOG DO ANDERSON, “a Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista, por meio da Secretaria de Infraestrutura Urbana, informa que está buscando recursos por meio de parcerias, convênios ou financiamentos para execução das obras de drenagem e pavimentação tanto na avenida Laura Nunes, como nas ruas Poções, 26, 32 e outras perpendiculares à via Perimetral, no Conveima.

A Secretaria destaca que é necessário esse recurso, visto que os dois projetos de drenagem e pavimentação mencionados possuem um valor acima do que pode ser coberto pelo orçamento próprio do município. Em relação à Operação Tapa-Buraco, a Prefeitura informa que as ações serão retomadas ainda esta semana, assim que o material asfáltico necessário para executar o serviço chegar à cidade. São dois insumos diferentes, o cimento asfáltico e a emulsão. Parte já chegou e outra chega ainda esta semana, pois houve um atraso por parte dos fornecedores. Assim que o material chegar à cidade, duas equipes da Emurc trabalharão de forma constante para sanar essa situação, iniciando pelos pontos mais críticos da cidade”. Ouça a baixo a conversa com Antônio e Raquel com um apelo destinado a Herzem Gusmão que está em Curitiba em busca de modelos urbanas para serem instalados em Vitória da Conquista.


A chegada do asfalto: nova licitação economizou R$ 1,3 milhão à EMURC; ouça a entrevista e veja as fotos

Fotos: BLOG DO ANDERSON

Possivelmente na próxima segunda-feira (3) a pavimentação asfáltica estará chegando em diversas vias da Capital do Sudoeste Baiano. Isso por conta da chegada da matéria prima para produzir o asfalto que custou pouco mais de R$ 4 milhões.

“Muito importante a gente lembrar que nesse processo licitatório nós economizamos com as mesmas quantidades obtidas na licitação anterior, R$ 1,3 milhão”, afirmou o presidente da Empresa Municipal de Urbanismo de Vitória da Conquista (EMURC), Marcelo Marques de Góes Guerra, em entrevista ao BLOG DO ANDERSON.

“A gente sabe que a situação da EMURC é uma situação crítica, difícil, mas há uma grande luz no fim do túnel e a gente está se apegando a essa enormidade dessa luz para gente fazer com que a EMURC seja um orgulho para os conquistenses”, comentou se referindo a uma dívida em torno de R$ 40 milhões aos cofres da Empresa. Entre os equipamentos em desuso, Guerra destacou uma balança avaliada em tordo de R$ 200 mil que nunca foi utilizada.

“Nós vamos colocar à disposição de mais um equipamento para essa Usina”, afirmou sobre essa sua intervenção que custará R$ 18 mil para o funcionamento do equipamento que tem como principal objetivo pesar os materiais que entram e saem da fábrica. Ouça a entrevista completa com Marcelo Guerra que fala sobre o principal tema do momento que é o asfalto e outras novidades envolvendo a EMURC.


A Polêmica do Jardim Suspenso: CDL defende urbanização, mas exige vagas para os carros em Vitória da Conquista

Fotos: BLOG DO ANDERSON

A Câmara de Dirigentes Lojistas também entrou na Polêmica Conquistense contra a instalação do Jardim Suspenso na Praça Barão do Rio Branco. No começo essa intervenção não foi do agrado de muita gente, mas ganhou apoio para a sua permanência. No processo de revitalização do Comércio que se inicia na próxima segunda-feira (3) deverá levar um Jardim Permanente para esse espaço, projeto anunciado pela secretária de Meio Ambiente, Luzia Lúcia Vieira de Oliveira. Essa última proposta também gerou celeuma por parte do empresariado.

Em entrevista à jornalista Mônica Cajaíba, que foi ao ar no Sudoeste Agora desta terça-feira (27), a presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas, Ana Sheila Lemos Andrade, disse que tem recebido inúmeras manifestações contrárias ao tal Jardim. Ela defende a urbanização, mas não abre mão das vagas para os carros de consumidores e também das pessoas que recorrem aos bancos. A sugestão de Ana Sheila é que Herzem Gusmão Pereira estenda o calçadão das Lojas Insinuantes para receber os coqueiros ou os leve para alamedas e Praça Nove de Novembro. No pensamento de Herzem  Gusmão o Comércio tem que ser para as pessoas e não para os automóveis. Ouça a opinião da empresária Ana Sheila, presidente das Lojas Nacional.


Polêmica das Exumações em Vitória da Conquista: fiéis católicos são contra; Padre diz que processo é normal

Fotos: BLOG DO ANDERSON

Sem vagas para enterrar defuntos, a Prefeitura de Vitória da Conquista optou pela construção de um Ossário. Para isso serão necessárias as exumações de cerca de quatrocentos restos mortais, eis o motivo de uma celeuma.

Fiéis da Paróquia Nossa Senhora Rainha da Paz circularam um abaixo assinado para evitar a medida, mas o pároco Valmir Neves Silva diz que isso é normal.

Numa reportagem do Sudoeste Agora que o BLOG DO ANDERSON reproduz nesta segunda-feira (26), a jornalista Mônica Cajaíba ouviu os defensores da medida: três pessoas na rua e o padre. Ouça a reportagem.


Desativação dos Parquímetros: administrador explica como vai funcionar a Zona Azul em Vitória da Conquista

Fotos: BLOG DO ANDERSON

Conforme o BLOG DO ANDERSON adiantou, a partir dessa segunda-feira (26) os Parquímetros serão desativados em Vitória da Conquista. Com isso, os usuários da Zona Azul deverão comprar os seus créditos em aplicativos através de Smartphones. O pagamento poderá ser feito via cartão de crédito. Caso ainda prefira efetuar os pagamentos em dinheiro, o usuário pode fazê-lo diretamente com os monitores ou nos pontos de venda que estarão distribuídos pela cidade. Com o aplicativo, tanto o pagamento quanto o tempo de permanência em cada vaga serão monitorados virtualmente, por meio da placa do veículo. Os condutores também serão alertados periodicamente sobre o tempo de permanência no local e sobre a ocorrência de multas e infrações.

O tempo de permanência na vaga, aliás, também passa a ser rotativo: se não for utilizado integralmente em uma vaga, ele poderá ser utilizado em outra, dentro do tempo pago pelo motorista. Outra ferramenta é a possibilidade de visualizar, num “mapa” virtual, as vagas que estão disponíveis nos diversos locais da cidade. Em entrevista ao Brasil Notícias, que o BLOG DO ANDERSON reproduz a seguir, o administrador do Estacionamento Digital, Carlos Wagner Andresen Lacerda explicou com detalhes todo esse processo.


Justiça: Promotoria repudia soltura do Pastor Edimar, acusado por duplo homicídio em Vitória da Conquista

Foto: BLOG DO ANDERSON

O pastor Edimar Silva Brito, de 39 anos, suspeito de mandar matar a também pastora Marcilene Oliveira Sampaio e uma sobrinha dela, Ana Cristina Sampaio, foi solto na tarde de terça-feira (20), do Conjunto Penal de Vitória da Conquista. Na reportagem do Sudoeste Agora, que o BLOG DO ANDERSON reproduz neste sábado, (24), o promotor de Justiça José Junseira Almeida de Oliveira, lançou o seu repúdio a decisão do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ-BA) e aguarda o pronunciamento da Procuradoria, tendo em vista que o caso saiu da primeira instância. O pastor estava preso desde janeiro do ano passado, quando ocorreu o crime, mas ainda não havia sido condenado pela Justiça. Os corpos de Marcilene e Ana Cristina foram encontrados em uma estrada que liga Vitória da Conquista a Barra do Choça, após sequestro. A pastora, Marcilene Oliveira Sampaio, também era professora da Universidade Estadual da Bahia (UNEB). As duas mulheres foram mortas com golpes de pedra. Outros dois suspeitos de executar as mortes foram presos. São eles: Adriano Silva dos Santos, que já foi condenado pela Justiça e cumprirá 30 anos de prisão em regime fechado, e Fábio de Jesus Santos, que ainda não foi julgado. A suspeita da polícia é de que o crime teria sido motivado por vingança após as vítimas, que eram colegas do pastor suspeito, terem saído da igreja dele depois de um desentendimento para fundar uma nova e levado a maioria dos fiéis. O pastor chegou a negar o crime na época da prisão. “Eu não mandei [matar], não fiz. Não tenho nada a declarar. Na presença do juiz eu falo”, disse o suspeito. Ouça a reportagem da Rádio Clube de Conquista.


Nova Polêmica Conquistense: Projeto de Lei que obriga as empresas contratarem bombeiros civis é motivo de debate

Foto: BLOG DO ANDERSON

O Projeto de Lei Nº 22/2017 que dispõe sobre a obrigatoriedade de contratação de bombeiros profissionais civis (BPC) em estabelecimentos ou eventos de grande concentração pública no âmbito de Vitória da Conquista gerou mais uma página na Polêmica Conquistense. O PL foi é unanime no Plenário Vereadora Carmem Lúcia, mas empresários questionam à medida que estará lhe trazendo mais despesas. O Corpo de Bombeiros Militar também entrou no debate dizendo que esse serviço é realizado pela própria corporação. Numa reportagem especial produzida pela jornalista Mônica Cajaíba, que foi ao ar no Sudoeste Agora desta sexta-feira (23), o vereador Rodrigo Oliveira da Silva Moreira (PP), a presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Sheila Lemos dos Santos Andrade e o major do CBM Kleber Bahia, falaram suas opiniões. Para o advogado Washington Rodrigues, essa matéria é inconstitucional por não ser uma tarefa a ser executada pelo Município. Ouça a reportagem completa aqui no BLOG DO ANDERSON.


FAINOR: Joseval Andrade anuncia novidades e fala sobre o curso de Medicina; ouça a entrevista

Foto: BLOG DO ANDERSON

O domingo (18) foi de confraternização em mais uma edição do Arraiá da Fainor, promovido pela Faculdade Independente do Nordeste. O evento reuniu colaboradores da instituição que está prestes a completar duas décadas em atividades. Em entrevista ao BLOG DO ANDERSON, o professor Joseval Souza Andrade. “A FAINOR, nós estamos num momento muito bom de satisfação por parte dos alunos, dos professores, ganhando prêmio todo dia. Isso é uma alegria para todos nós conquistenses”, comentou o diretor. Segundo ele, “o conquistense tem que lutar pela FAINOR, porque a FAINOR é de Vitória da Conquista”. Atualmente a FAINOR conta com quatorze cursos de graduação: Engenharia da Computação, Engenharia de Produção, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Administração, Ciências Contábeis, Direito, Farmácia, Enfermagem, Fisioterapia, Odontologia, Arquitetura e Urbanismo, Superior Design de Moda, Superior Estética e Cosmética. “Nós temos mais cinco cursos no MEC [Ministério da Educação] esperando aprovação a qualquer hora, inclusive o curso de Medicina”, afirmou. Sendo assim, a FAINOR poderá passar a oferecer além de Medicina, Psicologia, Design de Interiores, Tecnologia em Jogos Digitais e Pedagogia. Essa última opção já foi aprovada pelo MEC e estará disponível no exame de vestibular que acontece em outubro. Ouça a entrevista.


Momentos de Negociações: contra os cortes de ponto e perseguições, SINSERV aguarda diálogo com HGP

Foto: BLOG DO ANDERSON

A queda de braços entre a Prefeitura de Vitória da Conquista e o Servidores Municipais ainda não terminou, mas poderá sair no empate sem vencedor ou perdedor. Após 22 dias de greve, os funcionários retornam às atividades após decisão dos Sindicatos [SINSERV, SIMMP e SINDACS]. Eles buscavam melhorias salariais, mas declarando exaustão o prefeito Herzem Gusmão Pereira se levantou da Mesa de Negociações afirmando não retornar mais, além de anunciar o corte de ponto para os trabalhadores que não estavam em suas atividades laborais. Na noite deste sábado (17), durante o aniversário dos 28 anos do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Vitória da Conquista, José Carlos Santos Amaral disse que aguarda a convocação de HGP para dá sequência ao diálogo. “Se cortar os dias nós temos outras ações para tomar. Estamos tentando um diálogo, nosso memento agora é de diálogo, de conversa. Estamos apagando tudo que aconteceu, o que aconteceu com o Governo, o que aconteceu com nós sindicalistas, nós estamos apagando e começando do zero”, afirmou. Outra situação denunciada pelos trabalhadores são possíveis perseguições, fato que também está na lista do debate. Ouça a entrevista gravada pelo BLOG DO ANDERSON.


Tina se manifesta sobre a polêmica do Arraiá da Conquista: “não tem como reclamar” e “não fiz parte do julgamento”

Foto: BLOG DO ANDERSON

Além da Banda Chega Mais [confira a reportagem] e Juá da Bahia, apreciadores da boa música repudiam o novo formato da Cultura Conquistense. Conhecidíssimo Forró Pé de Serra do Piripiri foi extinto pelo prefeito Herzem Gusmão Pereira e lançou o Arraiá da Conquista no calendário das Festas Juninas. A redução das atrações e dos palcos, a escolha de nomes fora do contexto local e a exclusão de artistas proporcionou mais capítulo na Polêmica Política Conquistense. Em entrevista ao “De Tudo na Tarde com Adão Albuquerque”, via Rádio Clube de Conquista nesta sexta-feira (16), a secretária municipal de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer Teresa Cristina Negreiros Teixeira da Rocha, disse que não participou do julgamento que deixou a Chega Mais e Juá da Bahia na última categoria, a E, com cachê de R$ 1.200 para se apresentar num mini palco que não comporta mais que cinco pessoas. Para evitar acidentes os músicos não podem promover movimentações aceleradas nos dois espaços: Comércio e Feirinha do Bairro Brasil.

“Primeiro se publicou o edital. O edital que se colocava os artistas nas categorias ainda nos moldes parecidos como era feito nos anos anteriores e acrescentamos os distritos que é uma novidade”, comentou. “Eu não fiz parte do julgamento, eu não interferi em nada. Eu convidei pessoas além das que trabalham com a gente”, defendeu Tina Rocha sobre resultados que não tem agradado até seus colegas de gestão. Apesar de ser titular da pasta, Tina jura que não interferiu em nenhum resultado deixando tudo por conta de Jeanna Lopes, Ricardo Benedicts, Adriano Gama, Igor Santana e Gilmar Dantas. Sobre a Chega Mais, Tina disse que a inscrição foi para as categorias A e B, mas não se enquadrou em nenhuma dessas opções, motivo este que foi lançada na E. Ainda de acordo com a secretária, o Arraiá da Conquista está orçado em R$ 344.569,44, um terço do que era investido durante as gestões anteriores. Confira a reportagem na íntegra gravada e reproduzida aqui no BLOG DO ANDERSON.


Polêmica Conquistense: com 15 anos de estrada, Chega Mais rejeita classificação no Arraiá da Conquista; entenda o caso

Foto: BLOG DO ANDERSON

Uma nova etapa da Polêmica Conquistense envolve a classe artística que estão contrariados com o Arraiá da Conquista. Através das redes sociais é possível encontrar centenas de manifestações em apoio a Chega Mais, banda de forró que iniciou as atividades há quinze anos. Neste período o grupo gravou cinco discos, possuiu apresentações no Festival de Inverno Bahia, Forró Pé de Serra do Piripiri e em diversas cidades do Sudoeste Baiano e Norte de Minas Gerais, no entanto ficará de fora da festa promovida pela Prefeitura de Vitória da Conquista. De acordo com Israel Lacerda, vocalista da Chega Mais, a inscrição baseada no edital foi para a Categoria A e B, mas acabou sendo classificado na E. Através do seu perfil do Facebook Israal lançou o seu repúdio: “Queria compartilhar um fato aqui nas redes sociais que me deixou muito triste neste final de semana. Recebi uma ligação da Secretaria de Cultura de Vitória da Conquista dizendo que a Chega Mais tinha sido classificada no edital do Arraiá da Conquista 2017. Ao questionar sobre a categoria em que havíamos classificados, fomos informados que tinha sido na Categoria E, na qual tocaríamos em um palco alternativo e que a banda seria reduzida para fazer a apresentação. Surpreso com a resposta, informei ao funcionário que no preenchimento do formulário para a inscrição eu havia assinalado as categorias A e B para a seleção, razão pela qual não iremos tocar este ano.

Me sinto totalmente injustiçado, como se todos esses 15 anos de história com a Chega Mais fosse jogada no lixo… A Chega Mais sempre contribuiu e ajudou a levantar o verdadeiro forró na nossa cidade… Não sei qual foi o critério utilizado pela comissão, mas realmente não esperávamos tamanha falta de consideração e respeito… Momento de refletir e repensar em muitas coisas… Somente tenho que agradecer aos amigos, parceiros e fãs da Chega Mais e pedir desculpas por não participar do forró da nossa querida Vitória da Conquista este ano! Meu fraterno abraço!”. Procurada pelo BLOG DO ANDERSON, a “Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista, por meio da Secretaria de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, informa que a banda Chega Mais se inscreveu apenas na categoria A, porém, não foi classificada, ficando abaixo de outras bandas na pontuação. Após a análise de todos os participantes, as bandas desclassificadas na categoria inscrita inicialmente foram colocadas na repescagem, o que é o caso da Chega Mais. Na repescagem, as bandas melhores classificadas entraram na categoria E”. Ouça a seguir uma reportagem exclusiva gravada na tarde desta quinta-feira (15) quando Israel, que é advogado, fala ao BLOG DO ANDERSON sobre essa celeuma.


EMURC: presidente anuncia quitação de salários e a “enxurrada de asfalto”; ouça a entrevista

Foto: BLOG DO ANDERSON

A Empresa Municipal de Urbanismo de Vitória da Conquista (EMURC) possui uma dívida em torno de R$ 40 milhões, no entanto o novo presidente, Marcelo Marques de Góes Guerra, observa uma luz no fundo do túnel e demonstra otimismo para reerguê-la. A primeira grande notícia fica por conta da quitação dos salários dos 210 servidores e também do retorno das atividades após longos dias de paralisações devido à falta de insumos, entre eles o asfalto. “A cidade, creio eu, a partir da semana que vem, no mais tardar de segunda agora a oito depois do São João, vai começar a observar uma enxurrada de obras asfálticas aqui na nossa cidade. A Prefeitura já está definindo um plano de tapa buracos, de recapeamento em algumas avenidas importantes de corredores viários e se Deus quiser já antes do São João a gente vai realizar”, comentou Marcelo Guerra durante entrevista ao BLOG DO ANDERSON nesta quinta-feira (15).


Transporte Complementar: vans não poderão concorrer nos itinerários dos ônibus em Vitória da Conquista

Foto: BLOG DO ANDERSON

O levantamento de interesse para quem pretende pleitear uma vaga de permissionário no Serviço de Transporte Seletivo Complementar (STSC) começou nesta segunda-feira (12) e segue até quarta-feira (14) em Vitória da Conquista. Para se cadastrar, os proprietários de vans interessados devem se dirigir ao prédio onde funcionou a SEMTRE, localizado na Avenida Bartolomeu de Gusmão, nº 744, bairro Jurema, e preencher a ficha de cadastro entregue no local. No ato de cadastro devem estar munidos de cópias do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV), da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e do comprovante de residência do condutor. Com esse processo, a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, por meio da Coordenação de Transporte Público, espera verificar o perfil e a quantidade de interessados em ingressar no Sistema. A coordenadora de Transporte Público, Valéria Schettini, lembrou que esse procedimento facilitará o acesso dos vanzeiros interessados em atuar no serviço às informações, inclusive aquelas relacionadas aos requisitos para o futuro processo de licitação. “Além disso, vamos fazer um estudo minucioso para conhecer a oferta do serviço em Vitória da Conquista e esse levantamento é muito importante para isso”, afirmou. De acordo com a coordenadora, as vans não vão concorrer com as duas empresas que atuam no Transporte Público [Cidade Verde e Vitória], tendo em vista que não terão amplo acesso ao itinerário oficial. Ouça a entrevista concedida à Resenha Geral, gravada pelo BLOG DO ANDERSON via Rádio Brasil.


Greve dos Servidores Municipais: SINSERV suspende paralisações, mas a greve não acabou; ouça a entrevista

Foto: BLOG DO ANDERSON

As atividades da Prefeitura de Vitória da Conquista poderão ser normalizadas nesta terça-feira (13), Dia de Santo Antônio, no entanto as paralisações pontuais deverão permanecer pelos próximos quatro anos, pelo menos é o que anunciou o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Vitória da Conquista (SINSERV), José Carlos Santos Amaral. Por telefone com o BLOG DO ANDERSON, o advogado do SINSERV, Lucas Santos Nunes, falou sobre o assunto que agora será tratado no Plenário Vereadora Carmem Lúcia, onde os vereadores estarão apreciando o Projeto de Lei do Reajuste Salarial proposto pelo prefeito Herzem Gusmão Pereira. Além disso tem a questão do corte do ponto anunciado pelo gestor, atitude repudiada pela categoria e que será resolvido na Justiça. Ouça a entrevista.


EMURC: crise financeira começou com J. Pedral se agravando na era do PT; ouça a entrevista com o presidente

Foto: BLOG DO ANDERSON

O equilíbrio das contas financeiras da Empresa Municipal de Urbanismo de Vitória da Conquista (EMURC) não está sendo uma tarefa fácil para o prefeito Herzem Gusmão Pereira. Ele substituiu o Diretor Financeiro e nomeou Marcelo Marques de Góes Guerra após o pedido de demissão de José William de Oliveira Nunes. Durante entrevista ao Sudoeste Agora, na Rádio Clube de Conquista, Marcelo Guerra falou da situação da EMURC, que está com dois meses de atrasos salariais dos seus 210 funcionários e com débitos de fornecedores. Além desses dois itens, a EMURC não está produzindo devido impossibilidade de firmar convênios para execução das obras. Isso acarreta também em demissões e corte de refeições. De acordo com Guerra, o caixa da Empresa, hoje com um déficit de R$ 40 milhões, começou a ficar no vermelho ainda na era do ex-prefeito José Fernandes Pedral Sampaio e se agravou com a chegada do prefeito Guilherme Menezes de Andrade, que dividiu duas décadas no comando da Prefeitura de Vitória da Conquista com o seu correligionário petista José Raimundo Fontes, hoje cumprindo o seu segundo mandato na Assembleia Legislativa da Bahia. Ouça a entrevista completa no player abaixo.


Comércio Conquistense: Praça 9 de novembro, Alamedas, Terminal Urbano e Ceasa serão revitalizados

Fotos: BLOG DO ANDERSON

A partir do dia 3 de julho parece que muita coisa começará a mudar após seis meses que o peemedebista Herzem Gusmão Pereira assumiu o comando da Prefeitura de Vitória da Conquista.

Em entrevista à jornalista Mônica Cajáiba que foi ao ar no Sudoeste Agora ao meio dia desta sexta-feira (9), o secretário de Infraestrutura Urbana José Antônio de Jesus Vieira falou as intervenções que vão modernizar o Comércio Conquistense com as intervenções na Praça Nove de Novembro e Alamedas, Terminal Urbano e a Central de Abastecimento Edmundo Flores.

A Praça será com recursos da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL). O Terminal e a Ceasa são com financiamentos da Prefeitura Municipal orçados em R$ 5,1 milhão. Ouça a explicação de Zé Antônio.


Conversa Olho no Olho: decepcionado, sindicalista pede hombridade a Herzem para receber Comissão de Negociação

Fotos: BLOG DO ANDERSON

A Greve dos Servidores Municipais chega ao 17º dia com muita polêmica em Vitória da Conquista. Sem sucesso na Mesa de Negociação o prefeito Herzem Gusmão Pereira deixou a cadeira e diz que o diálogo está encerrado. Contrariando a categoria, em nota divulgada na segunda-feira (5), ele informou que estará enviando o Projeto de Lei dos reajustes salariais à Câmara Municipal de Vitória da Conquista. Eleito com a promessa de amplo diálogo e valorização dos servidores, para sindicalistas o que está acontecendo é bem diferente. Em seu Editorial, o jornalista Deusdete Dias Filho fez um balanço da participação de HGP no Redação Brasil e conversou com quatro diretores sindicais: José Marcos Santos Amaral [SINSERV], Arlete Rocha Miranda Dórea [SIMMP], Adair Aparecido Silva Souza [SIMMP] e Rita Suzana França Silva [SINDACS]. Ambos repudiaram as declarações do alcaide peemedebista, mas foi na intervenção do professor Adair Aparecido que surgiu a uma apelação que merece destaque especial.

“Um apelo ao prefeito para que ele quanto chefe do Poder Executivo que ele tenha a hombridade de receber a Comissão de Negociação, seja para dizer sim, seja para dizer não e que através da mídia não é o espaço adequado para se estabelecer o diálogo, para se estabelecer a conversa. A gente quer acreditar que o prefeito de Vitória da Conquista é de diálogo e que ainda essa semana, que ainda hoje ele chame o SINDACS, chame o SIMMP, chame o SINSERV, para ter uma conversa olho no olho”, declarou Adair Aparecido. Durante toda a manhã desta quarta-feira (7) militantes do o SIMMP [Sindicato do Magistério Municipal Público de Vitória da Conquista], SINDACS-BA [Sindicato de Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate as Endemias da Bahia] e do SINSERV [Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Vitória da Conquista] estarão mobilizados no Plenário Vereadora Carmem Lúcia e também na Praça José Gonçalves, defronte ao prédio da Prefeitura de Vitória da Conquista. Ouça a reportagem do Redação Brasil gravada e reproduzida aqui no BLOG DO ANDERSON.


Transporte Público: Sindicato suspende greve e aguarda fim impasse com a Cidade Verde pela Justiça em Brasília

Foto: BLOG DO ANDERSON

Sem alarde o Sindicato dos Rodoviários [Sindicato dos Rodoviários Sindicato dos Trabalhadores nas Empresas de Transporte Rodoviário, Passageiros, Cargas, Fretamento, Turismo e Pessoal de Apoio de Vitória da Conquista – SINTRAVC] suspendeu a greve que atingia a Cidade Verde Transportes após uma audiência no Tribunal Regional do Trabalho em Salvador no mês passado. Na ocasião ficou estabelecido o reajuste salarial em 4,55% para motoristas e cobradores, sendo R$ 1.780,75 e R$ 1.1019,52 respectivamente. O vale-refeição passou de R$ 280 para R$ 292,88. No entanto, o Sindicato quer que a Cidade Verde pague aos seus funcionários o mesmo valor concedido pela Viação Vitória que ficou em 6%. Em entrevista na última semana, que o BLOG DO ANDERSON reproduz nesta terça-feira (6), o titular da Secretaria de Comunicação do Sindicato dos Rodoviários, Jônatas Cardoso Vieira, falou sobre as medidas e fez um apelo a Cidade Verde para que o assunto seja definitivamente encerrado.


Greve dos Servidores: “Os trabalhadores já perderam a metade de um mês”, diz HGP sobre cortes salariais

Fotos: BLOG DO ANDERSON

Irredutível, o prefeito Herzem Gusmão Pereira bateu o martelo conclamando pelo fim da Greve dos Servidores Municipais. Sindicalistas reclamam pela falta de diálogo, mas HGP acaba de encaminhar o Projeto de Lei à Câmara Municipal de Vitória da Conquista propondo às categorias um aumento de 5% escalonado, sendo 2% imediato e 3% no mês de setembro, pacote que está o SINSERV [Sindicato do Magistério Municipal Público de Vitória da Conquista]. Além disso, a Administração Municipal formaliza as propostas já apresentadas aos sindicatos, quais sejam: reajuste de 25% no vale-alimentação; estudo para implantação de plano de saúde, com contrapartida da Prefeitura; início dos projetos para implantação do Programa Habitacional para servidores; garantia de pagamento da primeira parcela do décimo terceiro até 20 de junho.

Com o SINDACS [Sindicato de Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate as Endemias da Bahia], o prefeito reafirmou as propostas já apresentadas e foi além, concedeu aumento do vale-transporte, de 10 para 20 unidades, para todos os agentes comunitários, tanto da Zona Rural quanto da Zona Urbana; ajuda de custo de R$80 para R$100 e para os supervisores de endemias, que recebem R$105, reajuste para R$150. Para o SIMMP [Sindicato do Magistério Municipal Público de Vitória da Conquista], a Administração Municipal garantiu a recomposição da tabela salarial a partir da parcela repassada pelo Ministério da Educação dos recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação, tendo o magistério a garantia da integralidade da tabela, de acordo com o reajuste estabelecido pelo MEC. Isso representa 7,64% de reajuste real, acima da inflação do período. Ouça a reportagem que foi ao ar no Sudoeste Agora, gravada pelo BLOG DO ANDERSON ao meio dia desta terça-feira (6), via Rádio Clube de Conquista.


No Redação Brasil: Herzem fala sobre nepotismo, das novidades e promete cortar ponto dos servidores

Fotos: BLOG DO ANDERSON

Numa entrevista inédita, o prefeito Herzem Gusmão Pereira detalhou os seus 157 dias na Prefeitura de Vitória da Conquista completados nesta terça-feira (6). No Redação Brasil, HGP começou falando de sua trajetória na militância radiofônica e de sua chegada na Prefeitura de Vitória da Conquista no dia 1º de janeiro.

O BLOG DO ANDERSON esteve presente no estúdio da Rádio Brasil acompanhado o bate-papo caloroso entre o alcaide com os jornalistas Deusdete Dias Filho e Edson Maciel Junior quando foram comentados temas relevantes para o contexto da Política Conquistense, como Transporte Coletivo Urbano, Saúde Pública e Alvarás. Sobre o terceiro tópico, Pereira revelou uma suposta corrupção com a passagem de envelopes neste setor da Secretaria de Infraestrutura Urbana.

“Para você ter uma ideia, uma empresa aqui em Conquista, para você abrir uma empresa em Conquista antigamente era, continua sendo difícil, nós vamos quebrar essas dificuldades. Em Itabuna o SEBRAE botou para funcionar uma abertura, um registro de firma em dez dias. Dez dias com o PT você não conseguia entrar na Prefeitura. E outra coisa tinha o negócio do envelope lá. Você quer um alvará passava um envelope, entendeu? E tem envelopes, eu soube”, revelou o peemedebista que comemorou o se 69º aniversário há quatro dias.

A respeito da Saúde Pública ele estaca a Unidade de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (UNACON), as 42 goteiras que existiam no Hospital Municipal Esaú Matos e a prevista inauguração em Conquista da maior Clínica de Fisioterapia via SUS da Bahia.

O primeiro quesito o peemedebista promete a legalização das vans e do processo de revitalização da Viação Vitória, companhia que Herzem Gusmão diz ter sido penalizada na gestão do seu antecessor, o petista Guilherme Menezes de Andrade, que teria favorecido a Cidade Verde Transportes na concessão de uma das linhas mais rentáveis da Capital do Sudoeste Baiano. Ouça a entrevista na íntegra e faça a sua análise sobre esses primeiros momentos do radialista como prefeito da terceira maior cidade do interior do Nordeste Brasileiro.