Mobilização Nacional: ato em Vitória da Conquista marca um ano de assassinato de Marielle Franco e Anderson Gomes

Fotos: BLOG DO ANDERSON

Um grupo de pessoas participou, nesta quinta-feira (14), na Praça 9 de Novembro, Centro de Vitória da Conquista, do ato que marca um ano de assassinato da vereadora e ativista dos Direitos Humanos Marielle Franco, e de seu motorista, Anderson Gomes.

Eles foram executados a tiros em uma emboscada no Rio de Janeiro. A manifestação, que se repete por todo o Brasil, cobra a resolução do crime. O evento inicia a programação de “14 dias de luta por Marielle”. Na Capital do Sudoeste Baiano ativistas lançaram suas opiniões em discursos defendendo a democracia.

As mensagens “Quanto vale a vida?” e “O machismo mata todo dia” foram estampadas em cartazes de duas jovens que fizeram também apresentações despertando olhares dos ativistas que ainda levavam no peito adesivos questionando “Quem mandou matar Marielle?” e “Mulheres em marcha contra Bolsonaro”.

O BLOG DO ANDERSON acompanhou esse encontro organizado por e coletivos feministas, partidos políticos e outras organizações sociais e registrou alguns momentos em fotos, vídeos e uma entrevista especial com a ativista Keu Souza.


Deixar uma Resposta