Tribunal de Justiça da Bahia | advogado pede dispensa de uso da beca por “odor bem desagradável”

Foto: Reprodução | X

Situação desagradável aconteceu na terça-feira (16) durante sessão da 1ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça da Bahia, em Salvador. Antes de iniciar a sustentação oral, um advogado pediu a dispensa do uso da beca, afirmando que a vestimenta apresentava “odor bem desagradável”.

Balanço da Violência Baiana | Bahia registra 2208 mortes violentas nos primeiros seis meses do ano

Fotos: Reprodução | SSPBA

As mortes violentas apresentaram redução de 13% no primeiro semestre, na Bahia, na comparação com o mesmo período do ano anterior. Os dados foram apresentados pelas Forças da Segurança Pública, na manhã desta quarta-feira (17), no Centro de Operações e Inteligência (COI), em Salvador. O secretário da Segurança Pública do Estado da Bahia, Marcelo Werner, o comandante-geral da Polícia Militar da Bahia, coronel Paulo Coutinho, a delegada-geral da Polícia Civil, Heloísa Brito, a diretora-geral do Departamento de Polícia Técnica, perita criminal Ana Cecília Bandeira, e o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Adson Marchesini, realizaram a exposição dos dados. Nos primeiros seis meses do ano, foram registradas 2.208 mortes violentas, contra 2.534 ocorrências contabilizadas no mesmo período do ano passado.

Em números absolutos, foram 326 vidas preservadas. “Reduzimos em 6% as mortes violentas no ano de 2023 e agora, no primeiro semestre de 2024, o índice apresentou queda de 13%. Os resultados alcançados têm relação direta com o trabalho incansável das forças policiais”, destacou o secretário da Segurança Pública, Marcelo Werner. Acrescentou ainda que nos meses de maio e junho foram registrados os menores números de mortes violentas dos últimos 12 anos. “Foram 347 casos em maio e 282 ocorrências em junho.  A integração entre as Forças da Segurança, as ações de inteligência e os investimentos continuarão norteando o nosso trabalho”, destacou Werner.

No balanço do 1° semestre, as Forças da Segurança apresentaram ainda as estatísticas de crimes contra o patrimônio, prisões, lideranças alcançadas, armas apreendidas e também foragidos capturados pelo Sistema de Reconhecimento Facial.  No âmbito dos crimes contra o patrimônio, os roubos a bancos tiveram diminuição de 85%, os furtos de veículos recuaram 5% e os roubos de veículos e de ônibus apresentaram reduções de 16% e 32%, respectivamente. Na parte de produtividade, as ações de inteligência e repressão qualificada resultaram nas prisões de 9.407 criminosos, na localização de 55 líderes de facções e nas apreensões de 2.973 armas de fogo, entre elas 40 fuzis. No combate ao tráfico, a polícia apreendeu três toneladas de drogas, desarticulou 10 laboratórios de entorpecentes e erradicou 245 mil pés de maconha.

r

Nordeste Baiano | em Acajutiba, Governo do Estado inaugura entrega escolas mais modernas e equipadas

Fotos: Matheus Landim | GOVBA

O Município de Acajutiba, no Nordeste Baiano, recebeu o governador Jerônimo Rodrigues no sábado (13), para uma série de entregas nas áreas de educação, saúde e mobilidade. A agenda foi iniciada com as inaugurações do Colégio Estadual de Tempo Integral Antônio da Costa Brito, que passou por obras de ampliação e modernização, da Escola Municipal Professora Maria Esperança Lopes de Andrade, e da Escola Municipal de Tempo integral João Alves, no Distrito de Marambaia. “Nós iniciamos fazendo aquilo que eu tanto gosto, entregando três escolas. Duas novas praticamente, com ampliação, e é coisa que a gente faz com muito carinho”, celebrou Jerônimo Rodrigues. Na ocasião, também foram entregues um ônibus escolar rural, uma ambulância, um campo society com academia de saúde e pavimentações em distrito, entornos de praças e em trecho da Rodovia BA-233, que também vai receber projeto para construção de acostamento. “Entregamos pavimentação em parceria com o Governo Federal.

Esse asfalto que estamos aqui em cima é parceria com o Governo Municipal. E alguns anúncios de mais investimento para a educação, de mais investimentos para a saúde. E eu quero, portanto, dizer que é um dia muito especial para mim”, completou.  A ampliação, com modernização, do Colégio Estadual de Tempo Integral Antônio da Costa Brito teve o valor de quase R$ 9,5 milhões. A unidade, considerada de grande porte, agora conta com 10 salas de aula climatizadas, teatro com 176 lugares, restaurante com 160 lugares, campo de futebol society, quadra poliesportiva coberta, vestiário, biblioteca e 3 laboratórios. Serão atendidos 1.500 alunos nos três turnos, como Natanael Barbosa, do 2º ano e jovem ouvidor do colégio. Para ele, a estrutura possibilita uma melhor convivência entre os estudantes e também condições adequadas para continuar aprendendo. “Vai me ajudar bastante. Vai ajudar nossos estudantes, nossos colegas muito.

Eu acredito, realmente, que essa transformação que foi feita aqui vai impactar a gente para sempre. A educação melhorou, com certeza”, comentou o estudante. O governador participou da inauguração da Escola Municipal de Tempo Integral João Alves, uma parceria com a Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC). O recurso destinado pelo Governo do Estado chega aos R$ 3,9 milhões. As duas gestões [Município e Estado] mantêm convênio para obras de construção e reforma de seis escolas e creches.

Durante as entregas, a titular da SEC, Rowenna Brito, destacou a importância deste trabalho colaborativo para melhoria do ensino baiano. “É a festa da educação. Regime de colaboração forte, porque a educação precisa ser construída a muitas mãos e hoje a gente entrega aqui, com muita alegria, todas essas obras para continuar fazendo a educação da Bahia a melhor educação do Brasil”. No campo da educação ainda foi inaugurada a reforma e ampliação da Escola Municipal de Ensino Fundamental Professora Maria Esperança Lopes de Andrade. Foi entregue um ônibus escolar rural no valor de R$ 361 mil com capacidade de transportar com segurança e rapidez 29 estudantes, por viagem. Dando sequência ao projeto de melhoria da qualidade na mobilidade no interior baiano, foi entregue a restauração da pavimentação na BA-233, no trecho de quatro quilômetros da travessia urbana de Acajutiba com orçamento de R$ 4,5 milhões.

A comunidade do Bairro Bedo Ferreira foi beneficiada com o calçamento de diversas vias, em paralelepípedo. A obra teve recurso da ordem de R$ 2,3 milhões. Foi dada por entregue a pavimentação asfáltica nos entornos das Praças Aquinoel Borges, Rui Barbosa e Duque de Caxias. O Município de Acajutiba também recebeu da Gestão Estadual uma ambulância que irá reforçar o transporte de pacientes. O veículo, do tipo van, custou R$ 279 mil. Na ocasião, a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (SESAB) autorizou convênio para construção de duas Unidades Básicas de Saúde (UBS), sendo uma na Comunidade de Bedo Ferreira e outra na Praça Duque de Caxias. A Secretaria de Infraestrutura do Estado da Bahia anunciou o acostamento num trecho de 1,4 quilômetros da BA-233, na Comunidade Marambaia. A SEC recebeu o sinal positivo para construir um auditório e quadra poliesportiva na Escola Municipal Maria Esperança A Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (CONDER) foi autorizada a construir o portal de entrada; Jerônimo ainda participou da entrega de um Campo Society e uma Praça no Bairro Saturnino de Menezes.

Tragédia na BA-052 | duas pessoas morrem e quatro ficam feridas em acidente com carros, caminhões e viatura

Fotos: Edição | BLOG DO ANDERSON

Duas pessoas morreram e quatro ficaram feridas em acidente envolvendo veículos em Ipirá, que fica na Mesorregião do Centro-Norte Baiano, neste domingo (14). As colisões ocorreram na BA-052, próximo ao Povoado Pau-ferro. Segundo a TV Subaé, a primeira batida foi entre dois carros de passeio. Em seguida, três caminhões se envolveram, com um deles atingindo uma viatura policial. Populares disseram que, com a baixa luminosidade, os caminhoneiros não perceberam os carros colididos na pista. Diante da ocorrência, um homem que estava em um dos carros que colidiu inicialmente ficou preso às ferragens. Ele morreu no local. A outra vítima que foi a óbito estava no segundo carro. Ela chegou a receber os primeiros socorros, mas faleceu a caminho de uma unidade de saúde. Os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal de Itaberaba. Quanto aos feridos nos carros de passeio, um foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento Genário Libório, em Ipirá, e o outro para o Hospital Geral Clériston Andrade, em Feira de Santana. Não há detalhes sobre o estado de saúde deles. Os outros dois atingidos, que seriam motoristas dos caminhões, apresentaram apenas ferimentos leves. Eles não correm risco de morte.

Aconteceu na Capital Baiana | soldado da PMBA é atropelado ao tentar abordar dupla em moto durante blitz

Foto: Edição | BLOG DO ANDERSON

Um soldado da Polícia Militar da Bahia foi atropelado por uma motocicleta, na noite da sexta-feira (12), durante uma blitz na Avenida Ulysses Guimarães, na Sussuarana, em Salvador. O estado de saúde dele é considerado estável. Conforme a PMBA, a moto com dois homens foi abordada, mas ao invés de parar, o condutor jogou o veículo contra o militar. O impacto da batida foi tão grande, que a vítima foi arremessada e machucou a cabeça. Ainda conforme a PMBA, o policial foi socorrido e encaminhado para o Hospital Roberto Santos, onde segue internado. O condutor ficou ferido, foi socorrido e encaminhado para uma unidade de saúde, onde está custodiado. Não há detalhes sobre o estado de saúde dele. A moto foi apreendida.

Sim ao Amor | 28 casais homoafetivos dizem “sim” em cerimônia romântica e política na Bahia

Fotos: Sérgio Figueiredo | MPBA

Morando juntos há um ano, Jundaraí Moreno e David Michel sempre pensaram em se casar. Nesta sexta-feira (12) eles realizaram o sonho no Salão Nobre da sede do Ministério Público do Estado da Bahia (MPBA) durante a segunda edição do projeto “Sim ao Amor”, que realizou o casamento civil de 28 casais homoafetivos, numa cerimônia marcada pela emoção. “Esse casamento coletivo é a celebração do amor, de histórias de vidas que se entrelaçam, e da afirmação da liberdade e igualdade de direitos”, afirmou o procurador-geral de Justiça Pedro Maia, que destacou a emoção de presenciar o momento de vitória sobre o preconceito. “Essa celebração mostra que todos somos iguais e o amor se manifesta de diversas formas e todas são justas”, disse Pedro Maia. Alegria e uma honra foram as expressões usadas pelo secretário de Justiça e Direitos Humanos do Estado da Bahia, Felipe Freitas, para definir o que sentia diante dos casais. “A celebração de amor é sempre algo muito bonito. Quando falamos de pessoas LGBTQIA+, o casamento representa ainda mais, representa uma convocação para todos a construir um mundo com mais justiça e igualdade”.

Juba, como Jundaraí é conhecido no MPBA, onde trabalha há 10 anos, soube na 1ª Promotoria de Justiça de Direitos Humanos que a cerimônia, realizada pela primeira vez há seis anos, está em sua segunda edição. Em casa, comentou com David e os dois decidiram que a hora de realizar o sonho tinha chegado. “É um sonho sonhado junto. Foi um pedido mútuo”, afirmou Juba. Emocionado, David revelou que a ansiedade só é superada pela felicidade. “Desde domingo não dormimos, mas, vendo essa festa, tanta alegria, tanto acolhimento, parece que estamos sonhando acordados”, afirmou. “Nossa ideia, nessa segunda edição, foi fazer um casamento romântico, que celebre a união desses casais, muitos dos quais já vivem juntos há mais de 10, 20 anos”, afirmou a promotora de Justiça Márcia Teixeira, organizadora do evento. “Para além de um ato político de afirmação de direitos e combate à discriminação, buscamos criar um ambiente acolhedor, com direito a tudo de melhor que uma celebração de casamento civil proporciona”, afirmou a promotora. Um momento de celebração para todos os que lutam pela igualdade de direitos, conforme destacou o coordenador do Centro de Apoio Operacional dos Direitos Humanos (CAODH), promotor de Justiça Rogério Queiroz.

“Hoje, estamos aqui para celebrar o amor da forma mais pura e verdadeira. Quando pensamos no amor, pensamos em algo que transcende todas as diferenças, se fortalece nas dificuldades e brilha nos momentos mais difíceis. Celebramos esse momento tão especial para cada um de vocês e também a vitória do amor sobre o ódio, aceitação sobre o preconceito e da coragem sobre o medo”, afirmou. Os casais, lado a lado, de mãos dadas e vestidos com trajes nupciais, entraram no salão nobre, onde seus familiares esperavam emocionados. A celebração da igualdade foi presidida pela juíza de direito Maria Angélica Matos e marcada pela diversidade e pluralidade religiosa, que teve como delegatários um padre católico, uma Ialorixá, uma líder espírita e uma pastora evangélica. O padrinho dos casais foi o promotor de Justiça Millen Castro que, muito emocionado, falou da experiência de “se ver” em cada um dos casais. “Assim como vocês, eu também encontrei o amor fora da heteronormatividade. Me emociona ver cada um de vocês, com histórias tão parecidas com a minha. Nós vivemos tempos bons, onde somos fortalecidos no nosso direito de amar e de sermos reconhecidos e respeitados para que possamos ser quem de fato nós somos”, celebrou Millen Castro Medeiros de Moura, que fez o brinde aos casais.

Mas o casamento começou bem antes de chegar ao altar. Cada casal teve toda sua situação documental resolvida nos registros públicos, com a ajuda do projeto “Viver com Cidadania”, do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça Cíveis (CAOCIFE), que cuidou da habilitação para o casamento e da retirada das certidões atualizadas necessárias para a efetivação de cada casamento. “Devidamente casados, eles têm garantidos direitos dos mais diversos, que vão de questões patrimoniais, direitos de família, previdenciários e de sucessões, por exemplo”, afirmou a coordenadora do CAOCIFE, promotora de Justiça Aurivana Braga. Realizado pelo MPBA através dos projetos institucionais ‘MP+ Diverso’ e ‘Viver com Cidadania’, o ‘Sim ao Amor’ conta com o apoio do Grupo Qualivida, da Associação dos Registradores Civis das Pessoas Naturais do Estado da Bahia (ARPEN-BA), da residência de idosos Abrigo do Salvador, da Comissão LGBTQIA+ do Poder Judiciário da Bahia (PJBA), da Ana Portuguesa Decoração, da Uber, Atakarejo, Tábuas&Flowers, Terreiro Axé Abassá de Ogum, Mães da Resistência, IBCM, Dois Terços e Delicatessen Doce e Pão. O próximo “Sim ao Amor” terá inscrições abertas a partir de agosto e será realizado pelo Tribunal de Justiça do Estado da Bahia, por meio da sua Corregedoria.

Governo da Bahia | servidores estaduais têm desconto especial para aquisição de veículos da BYD

Fotos: Manu Dias | GOVBA

O Governo do Estado da Bahia e a BYD do Brasil formalizaram, nesta quinta-feira (11), uma importante parceria para garantir que os servidores públicos estaduais tenham condições especiais na aquisição de carros elétricos e híbridos da greentech. O encontro entre o governador Jerônimo Rodrigues e representantes da BYD do Brasil foi realizado no Centro Administrativo da Bahia, em Salvador. “Essa parceria significa geração de mais emprego e renda para os baianos e movimentação da economia. Vamos aumentar a produção, e em paralelo, promover mais conforto para os servidores públicos e reduzir os danos ao meio ambiente com a produção de veículos de energia limpa”, explicou o governador Jerônimo Rodrigues.

A parceria será garantida através do Clube de Desconto, programa de vantagens do funcionalismo estadual, vinculado à Secretaria da Administração do Estado da Bahia (SAEB). Os modelos da BYD: Dolphin Mini, Dolphin, Dolphin Plus, Yuan Plus, Song Plus, Seal, Tan, Han e King – sedã híbrido plug-in recém-lançado pela marca, são os veículos disponíveis com valores promocionais. Ainda para os modelos Dolphin, Dolphin Plus e Yuan, já está inclusa a manutenção preventiva durante cinco anos ou até atingir a marca de 100 mil km. O secretário da Administração, Edelvino Góes, lembrou que “além do desconto, os servidores terão uma condição de pagamento facilitada, com entrada a partir de 10% do valor do veículo e financiamento em até 72 meses”.

Futebol Internacional | Seleção Brasileira perde para Uruguai nos pênaltis e se despede da Copa América

Foto: Rafael Ribeiro | CBF

A Seleção Brasileira está eliminado da Copa América. A Seleção empatou com o Uruguai por 0 a 0 no tempo normal, neste sábado (6), mas perdeu por 4 a 2 nas penalidades máximas. Após um jogo de poucas emoções no Allegiant Stadium, Éder Militão e Douglas Luiz perderam seus pênaltis, enquanto os uruguaios tiveram melhor aproveitamento. Assim, a equipe de Dorival Junior parou nas quartas de final do torneio continental. No tempo normal, o clássico foi muito mais disputado que jogado, com poucas chances de gol. Na reta final do segundo tempo, Nahitan Nández foi expulso e o Brasil ficou com um jogador a mais, mas mesmo assim pouco criou. Nas penalidades, Alisson chegou a defender o pênalti batido por Giménez, mas Éder Militão e Douglas Luiz foram infelizes em suas cobranças. Agora, o Brasil só volta a entrar em campo nas Eliminatórias da Copa do Mundo. A equipe de Dorival encara o Equador, no dia 5 de setembro. O próximo desafio do Uruguai nesta Copa América está marcado para a próxima quarta-feira (10), contra a Colômbia, pela semifinal. O duelo será às 21 horas (de Brasília), em Charlotte, nos Estados Unidos da América.

Tragédia na BR-101 | duas pessoas morrem e duas ficam feridas em batida entre carros na Bahia

Fotos: Edição | BLOG DO ANDERSON

Duas pessoas morreram e outras duas ficaram feridas após dois carros baterem de frente, na manhã deste sábado (6), na BR-101, em Itagimirim, Extremo Sul Baiano. Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a suspeita é de que a colisão aconteceu devido a ultrapassagem irregular.

As duas vítimas feridas foram encaminhadas para um hospital em estado grave. O Corpo de Bombeiros esteve no local para auxiliar no resgate. Ainda pela manhã, a rodovia foi liberada e o fluxo do trânsito seguiu normalmente. Os corpos foram removidos ao Instituto Médico Legal em Teixeira de Freitas.

r

Destaque Nacional | no Governo de Jerônimo Rodrigues, trinta ministros de Lula já estiveram na Bahia

Foto: Fernando Vivas | GOVBA

Em apenas um ano e meio de mandato à frente do Governo do Estado da Bahia, Jerônimo Rodrigues recebeu de 30 diferentes ministros do Governo Federal para agendas. O número de visitas acumuladas demonstra, com ainda mais força, o prestígio do governador baiano em Brasília. Até o início de julho, foram mais de 100 presenças de chefes ministeriais para compromissos em solo baiano. A vinda mais recente aconteceu na quinta-feira (4), quando o ministro do Desenvolvimento Agrário, Paulo Teixeira, esteve ao lado de Jerônimo para o lançamento do Plano Safra da Agricultura Familiar, em evento realizado no Parque de Exposições de Salvador. Essa foi a terceira visita do comandante do MDA. Os ministros baianos Rui Costa, da Casa Civil; e Margareth Menezes, da Cultura, encabeçam o ranking de agendas em solo baiano. “A volta do presidente Lula reabriu as portas para o desenvolvimento do Brasil e para a melhora na vida do nosso povo. A Bahia tem essa atenção especial do Governo Federal que é fruto do nosso diálogo aberto para estabelecer cada vez mais parcerias, e isso se reflete em obras e ações para transformar a vida de cada baiano e cada baiana. Os ministros são parceiros muito importantes nesse trabalho que tem um objetivo maior, cuidar de gente, ser presente na vida de nosso povo”, comentou Jerônimo. Anfitrião requisitado, o governador já garantiu também constante presença, com ações para a Bahia, de titulares de pastas federais de áreas estratégicas como Saúde, Educação, Integração e Desenvolvimento Regional, e Transportes. Os líderes federais dessas áreas estão entre os mais frequentes no estado. A ministra Nísia Trindade (Saúde) já esteve sete vezes em solo baiano; Camilo Santana (Educação) veio à Bahia em quatro oportunidades; e Waldez Góes (MIDR) já participou de cinco diferentes agendas no estado.

Neoenergia | mercado livre muito além da liberdade de escolha para pequenas e médias empresas

Rita Knop | diretora Comercial da Neoenergia

Liberdade é a condição daquele que é livre, ou seja, é a capacidade de um indivíduo agir por si próprio. No setor de energia elétrica, a compreensão da palavra remete ao mercado livre, que nada mais é do que um ambiente de negociação em que todos os participantes têm a chance de acordarem todas as condições comerciais incluindo preço, quantidade de energia contratada, período de abastecimento e condições de pagamento, entre outros pontos, sem vínculo obrigatório com o atual fornecedor de energia. No início do ano, o Brasil deu um importante passo para estimular a migração ao mercado livre. A partir de agora, todos os clientes conectados em média e alta tensão (Grupo A), com consumo em torno de 30 kW e contas de R$ 5 mil ou mais, podem ingressar no Ambiente de Contratação Livre (ACL). Além de escolherem o fornecedor de preferência, os clientes têm espaço para livre negociação da prestação do serviço de energia, os valores de suas contas, com atendimento especializados. A novidade atende, principalmente, a pequenas e médias empresas, com padarias, hospitais e fábricas.

 

Além da possibilidade de fecharem contratos que podem chegar a oferecer uma redução de até 35%, em relação à tarifa cobrada até então, as comercializadoras de energia têm nas mãos uma grande de oportunidade de aquecer a economia de quem está enquadrado no Grupo A. De acordo com dados da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), esse grupo soma 164 mil unidades consumidoras, sendo que quase 38 mil já estão no mercado livre, e já temos 14,6 mil já pediram para migrar, com uma expectativa de mais 20 mil em 2024 tem potencial para aderir à modalidade. Isso porque os valores obtidos com a redução na conta de energia elétrica podem se transformar em investimento para a ampliação dos negócios. Uma economia disponível para outros fins seja para expansão da carteira de clientes, contratação de funcionários ou compra de novos equipamentos.

Nesse sentido, o novo mercado de energia tem tudo para ser uma mola propulsora de crescimento desses empreendedores que antes se viam impossibilitados de negociar seus contratos. Na Europa e nos Estados Unidos, o mercado livre de energia já é bem mais desenvolvido, com a participação inclusive de clientes residenciais. No Brasil, espera-se um amadurecimento do mercado de pequenas e médias empresas, evoluindo com regras claras no setor para uma futura a abertura do mercado aos clientes atendidos na baixa tensão.Além da oportunidade de escolha, o novo mercado de energia traz boas perspectivas para a economia como um todo, na medida em que estimula a concorrência, avança na criação e na oferta de produtos e soluções para as comercializadoras atenderem a outras necessidades dos clientes, como a descarbonização de seus processos.

Com a previsão de uma dinâmica migratória envolvendo pequenas e médias empresas, obrigatoriamente representadas por comercializadoras de energia, a expectativa é também de que a energia limpa impulsione a transformação do setor. Isso porque em processos de abertura do mercado de energia, destacam-se as empresas que deixam de ser simplesmente fornecedores de energia e passam a ser um assessor energético para a prestação de novos produtos e serviços a fim de deixar a cadeia produtiva de seus clientes ainda mais sustentável. Em uma sociedade, que incorporou novos hábitos de consumo e que cada vez mais exige das empresas práticas inovadoras com foco na redução das emissões de carbono, torna-indispensável às comercializadoras transformar e antecipar as demandas do futuro no setor elétrico com soluções sustentáveis. Nesse sentido, sairá na frente quem aliar liberdade de escolha a produtos e serviços diferenciados para estimular a competição tornando esse novo mercado ainda mais atrativo e com foco individualizado às necessidades de cada cliente. Ficou interessado? Acesse neoenergia.com ou Chatbot (19) 99804-3388.

Agricultura Familiar | Governo da Bahia lança Plano Safra e entrega máquinas e equipamentos agrícolas

Fotos: Thuane Maria | GOVBA

Iniciativa do Governo Federal, para fortalecer a economia rural e salvaguardar a segurança alimentar, o Plano Safra para a Agricultura Familiar Baiana foi lançado, durante evento realizado na noite desta quinta-feira (4), no Parque de Exposições, em Salvador. O governador Jerônimo Rodrigues esteve presente ao ato, ao lado do ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar (MDA), Paulo Teixeira, do secretário de Desenvolvimento Rural do Estado da Bahia (SDR), Osni Cardoso, e do diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), Jeandro Ribeiro. O objetivo do Plano Safra é oferecer linhas de crédito acessíveis e incentivos para as práticas agrícolas, garantindo melhores condições de produção e comercialização dos produtos da agricultura. O objetivo é contribuir de forma direta na vida dos agricultores, que sofrem ora por falta d’água, ora por excesso hídrico. O governador Jerônimo Rodrigues destaca que o Plano Safra é uma importante política de crédito.

“O Governo Federal contabiliza o que o agricultor familiar toma de empréstimo a cada ano e faz uma estimativa do que pode disponibilizar, organizando a partir daí taxas de juros melhores, tempo em que o agricultor possa produzir e pagar, e ainda em quais culturas o Governo Federal tem interesse em financiar”, explica Jerônimo, enfatizando ainda que a iniciativa tem a finalidade de melhorar o preço da cesta básica, por exemplo. O Plano Safra inclui o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (PRONAF), oferecendo crédito facilitado para agricultores familiares investirem em suas propriedades, além de linhas específicas para mulheres, jovens, indígenas e quilombolas, promovendo inclusão e sustentabilidade, além de melhorar as condições de vida no campo.

O valor total destinado ao Programa será de R$ 76 bilhões, o que representa um aumento de 43,3% em relação à Safra 2022/2023 e um aumento de 6,2% na comparação com a safra anterior. “Não é só o volume de recursos. Apresentamos a diminuição de juros para favorecer ainda mais o agricultor. Para aquele agricultor que não consegue oferecer garantias, tem aí agora o fundo de aval para avalizar a entrada dele no Plano Safra”, declarou o ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar (MDA), Paulo Teixeira. De acordo com o titular da SDR, Osni Cardoso, essa série de autorizações contribui diretamente para a vida de milhares de agricultores do estado.

Para o secretário, é essencial que o povo tenha alimento no prato, e alimento de qualidade. “Identificamos uma diminuição da pobreza no meio rural, onde tem a política pública associada à agricultura familiar porque para além de produzir alimentos, é a produção de alimento limpo, a produção de meta a partir da agro floresta, a partir do extrativismo, pensando, principalmente, na sustentabilidade do planeta”. O Plano deve gerar um impacto significativo na vida dos agricultores baianos e no escoamento de seus produtos, promovendo um aumento na produtividade. A longo prazo, esses investimentos devem facilitar a sustentabilidade das propriedades rurais, reduzindo perdas e aumentando a competitividade no mercado. O diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), Jeandro Ribeiro, participou da entrega de máquinas e equipamentos para fortalecer a infraestrutura agrícola.

“Atrelamos as ações do Governo Federal Às ações do Estado da Bahia, e uma delas é implementar esse casamento com as emendas parlamentares com as estratégias, gerando um grande marco hoje, com investimentos que ultrapassam R$70 milhões, que vão direto para o campo, para agricultura familiar baiana”, pontuou Jeandro. Foram entregues pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), uma variedade de máquinas e equipamentos para prefeituras, associações e cooperativas da agricultura familiar, que fortalecerão a infraestrutura agrícola, melhorando as condições de trabalho dos agricultores na Bahia. Entre os itens distribuídos estão 141 tratores com implementos, 59 microtratores, 106 máquinas forrageiras, 20 tanques pipa e 1.589 barracas de feira livre, e ainda, 28 roçadeiras, 54 kits de apicultura, 14 grades aradoras e 9 batedeiras. Para o armazenamento de água, foram entregues 8.155 caixas d’água de 500 litros, 10.095 caixas d’água de 1.000 litros, 407 caixas d’água de 5.000 litros, 220 caixas d’água de 10.000 litros, além de 70 kits de irrigação fotovoltaico.

Povo de Santo | Prefeitura de Salvador entrega requalificação do primeiro Terreiro pelo Programa Casa Odara

Fotos: Valter-Pontes | PMS

A Prefeitura de Salvador entregou nesta quarta-feira (3) a requalificação do Terreiro Ilê Axé Omim Deua, o primeiro beneficiado pelo programa Casa Odara, que realiza melhorias na infraestrutura física de terreiros de religiões de matriz africana na Capital Baiana. O projeto-piloto envolve inicialmente 100 espaços, todos eles cadastrados na Prefeitura. A meta é alcançar mil terreiros em quatro anos. Durante a entrega, o prefeito Bruno Soares Reis ressaltou que o Casa Odara foi inspirado no Morar Melhor e afirmou que a conclusão da reforma em um curto espaço de tempo demonstra a eficiência da gestão. O programa foi lançado em maio. “Desde o lançamento do programa, enfrentamos muitos desafios, especialmente os causados pelas chuvas em nossa cidade. No entanto, continuamos projetando o futuro e transformando boas ideias em realidade”, salientou. Ele revelou que a ideia inicial era atender a 50 terreiros, mas por reivindicação do segmento o número dobrou. O prefeito salientou ainda que o terreiro Ilê Axé Omim Deua também receberá o título de propriedade.

“Inicialmente, era apenas o tombamento dos terreiros. Agora, aqui na Fazenda Grande IV, já começamos o processo de cadastro de toda a área para conceder o título de propriedade. É a escritura definitiva, a segurança de que o terreiro pertence a vocês para sempre”, declarou. “Antes, a Lei de Legitimação Fundiária só permitia dar o título de posse de unidades habitacionais. Agora, podemos conceder o título de propriedade, a escritura definitiva, também para templos religiosos e estabelecimentos comerciais, como mercadinhos, borracharias, bares e salões de beleza. A equipe do programa Casa Legal, e também do Terreiro Legal, está fazendo o levantamento de toda a área e vamos estender esse trabalho por toda a cidade de Salvador, garantindo o título de propriedade e a segurança definitiva”, acrescentou. A secretária municipal da Reparação, Ivete Sacramento, ressaltou que a Prefeitura de Salvadoer discutiu e elaborou muitas políticas públicas para a população negra e para as comunidades de terreiros em Salvador. “Agora, estamos focados em ações concretas. Desde o início, temos perseguido a realização dessas ações, e o senhor, prefeito Bruno Reis, tem mostrado força e compromisso com as comunidades de terreiros. Estamos sempre presentes, trabalhando com as comunidades de terreiros. Esta ação específica é um exemplo de coragem e determinação”, declarou. Ialorixá do terreiro, Mãe Ligia Maria contou que o local não tinha sequer reboco nas paredes.

“Eu não tinha nada rebocado, só mesmo levantei o barracão. Eu estou muito feliz. Eles fizeram tudo, rebocaram, fizeram o telhado. Eu não tenho palavras para falar. Tudo que tinha para fazer foi feito”, contou ela, que tem 45 anos de Axé. Filha biológica de Mãe Ligia, Andréa Matos, Iyakekerê do terreiro, afirmou que o momento é de felicidade. “Só agradecer à Prefeitura Municipal de Salvador, à coordenação do programa Casa Odara, por essa melhoria, essa reforma, que foi muito importante. Nós estávamos com a nossa casa praticamente nua e crua, e a Prefeitura veio e nos deu essa graça”, afirmou ela, revelando que cerca de 100 pessoas fazem parte do terreiro. O presidente do Conselho Municipal das Comunidades Negras (CMNC), Evilásio Bouças, destacou a importância do Casa Odara. “Trata-se de uma política pública que surge a partir do Estatuto da Igualdade Racial e da luta da população negra, do movimento negro e dos religiosos de matriz africana. São várias instituições que lutam cotidianamente para melhorar as condições de vida dos jovens de matriz africana e da população negra como um todo, que representa oitenta e três por cento da população de Salvador”, disse.

Destaque Estadual | Rogério Bruxellas é desligado do cargo de diretor-presidente da Rede Bahia

Foto: BLOG DO ANDERSON

 executivo Rogério Bruxellas Peixoto foi desligado do cargo de diretor-presidente da Rede Bahia [BAHIAPAR Participações e Investimentos Limitada]. Após pouco mais de um ano no cargo, a empresa confirmou a saída de Rogério Bruxellas através de comunicado interno nesta quinta-feira (4). Bruxellas chegou ao cargo assumindo o lugar de Paulo Cesena, que sucedeu Antônio Carlos Magalhães Júnior. como presidente do Conselho de Administração. Ao ser anunciado, a ideia era ter o profissional com uma visão mais mercadológica “em um ambiente que começa a retomar seu fôlego após a dureza da pandemia”. De acordo com informações obtidas pelo Bahia Notícias, site parceiro do BLOG DO ANDERSON, a Rede Bahia informou aos profissionais que Bruxellas deixa o cargo de presidência para se dedicar a outros projetos profissionais. Sem o diretor-presidente, quem assume o papel é Paulo Cesena e os membros do Conselho de Administração. Antes de assumir a presidência, Bruxellas atuava como diretor executivo de Negócios, onde também abarcava as áreas comercial, de marketing, afiliadas, rádios e digital. Com passagens pelo Magazine Luiza, Grupo St. Marche, EMS Farmacêutica, Bruxellas tinha pouco mais de um ano e meio desde sua contratação. “A Rede Bahia comunica que a partir desta quinta (04), o atual presidente do grupo, Rogério Bruxellas, deixa a posição para se dedicar a outros projetos profissionais. Ao longo dos últimos três anos, Bruxellas contribuiu de maneira importante no desenvolvimento da empresa, primeiro como diretor de Negócios e, desde abril de 2023, como presidente da companhia. A sucessão da presidência será comunicada oportunamente e, nesse intervalo de tempo, os membros do Conselho de Administração darão suporte à Diretoria na condução das atividades. Por fim, a Rede Bahia reafirma seu compromisso em fortalecer continuamente a relevância do grupo de comunicação junto aos colaboradores, parceiros e à sua audiência, continuando a compartilhar muitas conquistas e falando sobre a Bahia para os baianos e para o mundo”, diz a Rede Bahia.

Operação da Polícia Federal | policial suspeito de matar carteiro na Bahia é preso no Aeroporto de São Paulo

Foto: Edição | BLOG DO ANDERSON

Um policial da Polícia Militar da Bahia foi preso no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, no sábado (29). Ele é suspeito de matar o carteiro Marcos Silva de Jesus em Itamaraju, Extremo Sul Baiano, em agosto do ano passado. Foragido, o homem foi capturado por agentes da Polícia Federal. O registro da ocorrência indica que ele estava em um voo, que partiu de Porto Seguro. Ao saber que o suspeito estava na aeronave, os agentes aguardaram o pouso e abordaram no portão de desembarque. À PF, ele negou o crime e disse que desconhecia a existência do mandado de prisão e declarou que viajava a passeio, na companhia da namorada. A Corporação não informou se ele será transferido para cumprimento do mandado na Bahia. O funcionário da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos Marcos Silva de Jesus, de 44 anos, foi morto a tiros enquanto realizava entregas em Itamaraju. Conforme detalhou a Polícia Civil, dois homens armados abordaram Marcos e efetuaram os disparos. A vítima chegou a ser socorrida para uma unidade de saúde. A motivação e autoria do crime foram investigadas pela Polícia Civil. O homicídio está relacionado a dívidas que o carteiro mantinha com agiotas. À época do crime, outros dois soldados foram presos e conduzidos para a Unidade Policial de Teixeira de Freitas.

Independência da Bahia | “nossa história precisa ser contada nos livros escolares”, afirma Jerônimo no 2 de Julho

Fotos: Mateus | Pereira

Durante o evento cívico mais importante da Bahia, o governador Jerônimo Rodrigues destacou que o presidente da República Brasileira Luiz Inácio Lula da Silva deu o aval para que livros didáticos brasileiros possam contemplar o 2 de Julho como marco importante para a Independência do Brasil. “A palavra do Lula ontem reconhece que essa história tem que ser contada para o Brasil”. O chefe do executivo disse que o projeto já está em andamento. “No dia 25 de julho, encaminhamos um documento ao ministro da Educação, Camilo Santana, para que os livros didáticos do Brasil possam revelar, contar nossa história. E nós não estamos disputando com o 7 de setembro, não é isso, são outros momentos e etapas”, afirmou na manhã desta terça-feira (2). Jerônimo também garantiu a produção do conteúdo. “Aqui na Bahia, com a ajuda da Assembleia Legislativa, nós queremos garantir que os livros produzidos na Bahia contem essa história, mas que o MEC possa absorver pelo menos uns capítulos. Nós apresentamos a demanda, mas apresentamos também a nossa capacidade de construção disso. As nossas equipes produzirão o material suficiente para que, assim, a gente possa contar ao Brasil e ao mundo a história da independência do Brasil”, concluiu.

Sistema de Saúde da Bahia | ao lado de Lula, ministra anuncia Policlínicas para Itapetinga, Camaçari e Remanso

Foto: Rafael Nascimento | MS.

A visita do presidente da República Brasileira, Luiz Inácio Lula da Silva, à Bahia, veio cheia de novidades com investimentos e o BLOG DO ANDERSON vai divulgando. Uma das beneficiadas fica no Centro-Sul Baiano, a Terra do Boi Gordo, Itapetinga, que passará a contar com uma Policlínica Regional de Saúde. Camaçari e Remanso também conta com o equipamento, como o existente em Vitória da Conquista.

r